Os 10 Sinais de Gravidez Mais Comuns entre as Mulheres

Você está querendo saber se está grávida? Nem toda gestante tem os mesmos sintomas, mas selecionamos uma lista com 10 sinais de gravidez mais comuns entre as mulheres.

Por mais incrível que possa soar aos nossos ouvidos, não é tarefa tão simples e fácil uma mulher perceber que está grávida. Algumas mulheres que são mais antenadas com os sinais emitidos pelo corpo, conseguem ter a percepção de que algo novo está acontecendo, logo após a concepção e fixação do embrião no útero.

Entretanto, isto não é algo corriqueiro no universo feminino. Em quase 95% dos casos, as mulheres demoram semanas para notar que um novo ser em formação está dentro de seu corpo. Somente então, após começarem a desconfiar de que podem estar grávidas, é que buscam ou por um teste de farmácia – em geral 100% eficazes na comprovação do resultado, ou por seus médicos ginecologistas, para então solicitarem o exame de sangue, o qual verifica a quantidade de hormônio HCGhormônio glicoproteico – liberado desde o início da formação das células da placenta, após a nidação do ovo fecundado no útero, cuja função é manter as taxas de hormônio progesterona e estrogênio, que inibem a ovulação e a menstruação, garantindo assim, a manutenção da gravidez e o bom desenvolvimento do feto.

E é justamente a presença deste hormônio no corpo da mulher, em altas quantidades, que fará com que os primeiros sinais de gravidez possam ser percebidos. Uma vez que o hormônio HCG passa a estar presente na corrente sanguínea, algumas alterações corpóreas já são levemente observadas.

O primeiro sinal da gravidez é a ausência ou irregularidade da menstruação, seguida de cólicas incomuns. Uma vez que o embrião está instalado nas paredes do útero, este se contrai na tentativa de expulsá-lo, pois se trata de um corpo estranho ao organismo, acostumado a expelir o óvulo não fecundado todos os meses.

Na sequência, uma fome incomum e, em algumas mulheres, sono excessivo são também sinais que podem estar associados a gravidez. Embora  muitos especialistas afirmam que a fome em particular pode ser simples sugestão para mulheres que desejam a todo o custo engravidar, vale muito a pena observar o aumento considerável no apetite. Já o estado de sonolência, principalmente nas primeiras semanas e meses é indiscutível.

Outro sinal de gravidez são as auréolas dos bicos dos seios que realmente escurecem devido ao desequilíbrio hormonal provocado pela presença do HCG.  Este sinal da gravidez também é conhecido como Sinal de Haller. As veias das mãos e dos pés também sofrem um leve ressalto, que podem ser confundidos com inchaço por conta de “calor”. Se estiver frio, fique de olho.

Há também um aumento considerável da vontade de fazer “xixi”. Isto também ocorre próximo ao período menstrual em algumas mulheres, mas há aquelas que não costumam se levantarem à noite para urinar e, certamente, estarão com as paredes do útero abarrotadas de hormônio HCG. Além disso, um cansaço incomum pode se abater na mulher, também como consequência da própria alteração hormonal.

Os seios, à medida na qual vão se passando as semanas, vão ficando cada vez mais inchados e muito doloridos, pois estão sendo preparados para a produção de leite e o período de amamentação. Muitas mulheres confundem este sintoma com traços e características da TPM (tensão pré-menstrual) cujos sintomas são semelhantes.

Há também uma alteração sensível no paladar e no olfato, seguido de enjôos, tonturas e vômitos. E estes sintomas podem vir, inclusive, antes do confirmado atraso da menstruação, que é o último sintoma a ser percebido.

Mulher Enjoada

É comum ter alterações de humor durante a gravidez, causadas em parte por causa das alterações hormonais que afetam seus níveis de neurotransmissores (mensageiros químicos no cérebro). Cada mulher responde de forma diferente a essas mudanças. Algumas mães tem uma experiência intensificada de emoções, boas e más; outras se sentem mais deprimidas e ansiosas.

Caso tenha percebido pelo menos seis dentre estes sintomas, o ideal é realizar um teste de gravidez, pois é bem provável que você tenha sido agraciada com a vinda de um bebê!

Você já é mãe? Que tal compartilhar logo abaixo com outras mulheres os sinais de gravidez mais presentes dos quais você se recorda?



Deixe um Comentário